Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Variações de Goldberg

por Cristina Nobre Soares, em 16.06.19

Vivia na casa que fora da avó, um rés-do-chão na Ferreira Borges, e alugava o quarto vago para ajudar a pagar as contas. Uma das suas inquilinas foi uma sarda de Erasmus, a quem nunca se vira um par de cuecas estendido. Só uma vez, umas vermelhas de renda, dizia-me. Daí se concluir que a sarda não usaria cuecas. E também que gostava de Bach, pelas vezes que punha na aparelhagem o mesmo CD com as variações de Goldberg, sempre com o volume no máximo. Às vezes, quando chego e ela tem isto a tocar, não entro logo em casa. Sento-me nas escadas a ouvir. Descobri que o prédio tem uma acústica belíssima.

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Imagem de perfil

De imsilva a 16.06.2019 às 17:57

Imagem de perfil

De Luísa de Sousa a 16.06.2019 às 20:45

Que bom .... quando coloca o CD!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

GA



google-site-verification: googledeb34756365df053.html