Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Em linha recta

Nunca conheci quem tivesse levado porrada. Todos os meus conhecidos têm sido campeões em tudo.

Em linha recta

Nunca conheci quem tivesse levado porrada. Todos os meus conhecidos têm sido campeões em tudo.

Inglês, idade e experiência

Cristina Nobre Soares, 11.05.18

 

A Catarina Furtado é uma mulher lindíssima. Beleza essa que me parece ir muito para além do que se vê, até pelo tipo de projectos sociais em que ela se tem envolvido e dado a cara.

Agora sobre a polémica sobre o inglês que ela fala: para além de me parecer mais uma cruzinha posta a arder no quintal alheio, que é uma coisa que gostamos muito de fazer por aqui, sim, é realmente mauzote. Podia ser melhor? Podia. Mas, e…?

Confesso que não percebo  tamanha indignação. Mas isso, cada um encanita-se com o que quer. Por exemplo, no que diz respeito à Catarina Furtado, eu encanito-me com uma coisa pequenina, que não interessa nada. Que é com o facto de, sendo ela a mais velha das 4, sendo ela uma mulher de 44, 45 anos, que o pessoal ache mais importante ela parecer tão nova quanto as outras, do que ser a referência profissional das outras 3. Ah, mas ela está tão bem para idade. Nem parece que é a mais velha. E se parecesse. Era mau? Era? E por que raio? Não deveríamos olhar para as quatro apresentadoras e dizer, caraças, as outras estão muito fresquinhas e tal, mas a Catarina, para além ser um mulherão, vê-se que anda ali há muitos anos a dar cartas (ou a virar frangos), que orgulho? Não. Pois claro que não. O que interessa é ela parecer muito mais nova e não se notar a diferença de idade relativamente às outras. E depois admiram-se que ela descure o inglês.

 
 
 

28 comentários

Comentar post

Pág. 1/3