Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Em linha recta

Nunca conheci quem tivesse levado porrada. Todos os meus conhecidos têm sido campeões em tudo.

Em linha recta

Nunca conheci quem tivesse levado porrada. Todos os meus conhecidos têm sido campeões em tudo.

A cultura não é uma esmola

Cristina Nobre Soares, 20.06.20

O país ficou a saber pela manhã que lhe tinha morrido mais um actor. Um país que não gasta dinheiro em cultura, um país que tem como “velho normal” não pagar a quem escreve, a quem filma, a quem encena, a quem representa, a quem pinta, a quem dança. Um país que fica à espera que a Câmara Municipal lhe proporcione eventos de rua gratuitos, os quais criam a ilusão de que aquele trabalho não custa nada, é feito de graça, é um passatempo, uma extravagância, acordou chocado e choroso por perder mais um dos seus.
A cultura não se dá, pois não é uma esmola. É a base de um país. Mas no nosso a cultura parece ser apenas uma triste cadeia de trabalho desvalorizado. E a culpa, infelizmente, não é de nenhum governo. É nossa.