Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Sonhos com calda

por Cristina Nobre Soares, em 22.12.17

Os únicos fritos de Natal que eu gostava quando era miúda, eram os sonhos com calda que a minha mãe fazia. Todo o processo tinha um ritual completo. Pedia ao meu pai ou ao meu irmão para lhe baterem os sonhos, com uma colher de pau enorme, à qual ela chamava a “colher dos sonhos”. Este ano ficaram bonitos, dizia, mesmo sabendo que todos os anos ficavam. Depois fazia uma calda de açúcar que sabia muito a limão e que era servida na molheira do serviço chinês que viera de Moçambique. O das chávenas de chá em cujo fundo a contraluz se via a cara de uma chinesa. Abríamos um sonho e deitávamos a calda lá dentro, os dedos e os cantos da boca peganhentos, não deites tanta, o doce a arranhar a garganta, olha que ficas com dores de barriga, eu a desfazer o cristalizado da calda, que ficava sempre cristalizada no dia 25, com o rabo da colher, não deites tanta e o cheiro a canela e a pinheiro a escorrer na humidade das janelas. Nunca aprendi a fazer sonhos. Há mistérios que é preciso manter para que as memórias fiquem intactas. Cristalizadas como a calda de açúcar.

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Sem imagem de perfil

De maria madeira a 22.12.2017 às 20:08

(a ver se já consigo comentar, palpita-me que só blogs instalados na plataforma Sapo o conseguiam fazer ultimamente, não sei, mas talvez seja por aí...)

(continuando)

Este seu texto a par com outros - costumo ler todos - está de se 'lamber os dedos', passo a expressão.

Um Natal cheio de sonhos, dos que se comem e dos outros também, aceite um beijinho, Cristina :)

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

GA



google-site-verification: googledeb34756365df053.html